quinta-feira, 18 de março de 2010

FRAMES-CRÍTICA: Atividade Paranormal - Terror psicológico

Fábio Pereira
xanderfbi@hotmail.com 

Com apenas US$ 11 mil, o diretor Oren Peli conseguiu fazer um filme assustador e ao mesmo tempo com cara de produção caseira. Bebendo de fontes diretas de “A Bruxa de Blair (1999)”, Atividade Paranormal conta a estória de Katie (Katie Featherson) e Micah (Micah Sloat), um casal comum de namorados que mora em uma casa comum, vivendo uma vida comum. Eis que estranhos sussurros e barulhos à noite fazem com que Micah resolva documentar tudo o que acontece, enquanto eles dormem, através de uma câmera portátil. É nessa hora que o terror se revela.
Li muitas críticas negativas sobre Atividade Paranormal. Uns falavam que a produção é superestimada, outros que não tem nada de assustador, mas o terror psicológico da trama, com cara de vídeo do Youtube, assusta e muito. Não há terror mais forte do que imaginário.
Já o final alternativo de Atividade Paranormal tem um impacto impressionante, mas devido à interferência do todo poderoso Steven Spielberg, prevaleceu o original que vemos na película. Uma dica final: se for assistir ao filme, uma companhia vai bem, mesmo para aqueles que pensam já ter visto de tudo no cinema atual.


Atividade Paranormal (Paranormal Activity , EUA, 2009). Elenco: Katie Featherson, Micah Sloat e Mark Fredrichs. Direção: Oren Peli.


Nota – 8 Frames


Pontuação
01 a 02 Frames – Ruim
03 a 04 Frames – Regular
05 a 06 Frames – Bom
07 a 08 Frames - Ótimo
09 a 10 Frames - Obra Prima




TRAILER LEGENDADO




OFERTAS

DVD Atividade Paranormal
COMPRE O DVD

Blu Ray Atividade Paranormal
COMPRE O BLU-RAY

Post atualizado em 06/09/19.

Nenhum comentário: