sexta-feira, 18 de junho de 2010

FRAMES-PROGRAMAÇÃO

Copa do Mundo o dia todo, em telejornais, flashes de jogos, enfim só futebol na TV todos os dias. Para você que odeia ou está cansado do esporte mais popular do Brasil, confira nossas tradicionais dicas dos melhores filmes na TV Aberta:

Batman Eternamente

Sinopse: Batman tem pela frente dois maníacos: Charada e Duas Caras. O herói tem que dividir suas atenções no combate à dupla, com seu novo objeto de afeto, a belíssima doutora Chase Meridian, e com o recém orfão Dick Grayson, que está prestes a se transformar em Robin, seu companheiro na luta contra o crime. Com Val Kimer, Jim Carrey e Tommy Lee Jones.


Passa no: SBT, Sabadocine, às 14h15.






O Filho do Máscara

Sinopse: O cartunista Tim Avery está muito surpreso, pois será pai de um garotinho que tem os mesmos poderes da máscara de Loki: um objeto mítico que dá a quem usa os poderes de se transformar no que quiser. O problema é que o próprio Loki está à procura de sua máscara e, consequentemente, da família de Avery. Continuação do sucesso com Jim Carrey, mas sem a presença do ator.

Passa no: SBT, Sabadocine, às 16h15.






Divisão de Homicídios


Sinopse: Joe Gavilan (Harrison Ford) e Kasey Calden (Josh Hartnett) desvendam um crime envolvendo um famoso cantor de rap. Durante a investigação, eles percebem a possibilidade de realizar seus sonhos. Ao conhecerem os grandes nomes da indústria musical, Joe acha que finalmente vai se consolidar como agente imobiliário, e Kasey faz de tudo para conseguir um teste. Inédito. Exibição em HD.

Passa na: Globo, Domingo Maior, às 00h10.

sexta-feira, 11 de junho de 2010

FRAMES-CRÍTICA: Zumbilândia - Diferente, inteligente e engraçado

Fábio Pereira 
(xanderfbi@hotmail.com)


Quem diria que, depois do excelente “Todo Mundo Quase Morto (2004)”, um outro filme seria capaz de brincar com a mistura de mortos-vivos e apocalipse zumbi? Pois Zumbilândia faz isso muito bem! 
Após uma contaminação devido à ingestão de carne com uma variante do mal da vaca louca, o mundo fica tomado pelas criaturas sedentas de carne humana. É neste ambiente desolado dos “Estados Unidos da Zumbilândia” que Columbus (Jesse Eisenberg), estudante da Universidade do Texas, decide voltar para sua cidade natal, a fim de encontrar seus pais ainda vivos. No caminho, ele encontra Tallahassee (o sempre ótimo Woody Harrelson), um especialista em dizimar zumbis e duas sobreviventes – Wichita (Emma Stone) e sua irmã, Little Rock (Abigail Breslin) que acabam passando a perna nos dois e roubando suas armas e seu carro.
Zumbilândia é o tipo de filme engraçado, que não para somente no humor. A trama é cheia de sacadas legais e um verdadeiro manual de como sobreviver a um possível apocalipse com zumbis, tudo narrado pelo personagem de Eisenberg, que é um obsessivo-compulsivo e cita, ao longo de toda a película, diversas regras úteis de sobrevivência. Exemplos: sempre usar o cinto de segurança, no caso de um zumbi saltar sobre o capô do carro; sempre checar os banheiros, pois os comedores de carne humana atacam quando se menos espera. 
Sobre os protagonistas, vale ainda citar o notável desempenho de Harrelson. Seu personagem, com o único objetivo de aniquilar os zumbis da melhor forma possível, é perfeito e as boas surpresas ficam por conta de Emma Stone e Abigail Breslin, que interpretam duas irmãs não tão inocentes, além da aparição muito especial do veterano Bill Murray, interpretando a si mesmo.

Dica: uma divertida cena secreta aparece no final dos créditos.

Zumbilândia (EUA, 2009, Zombieland). Elenco: Woody Harrelson, Jesse Einsenberg, Emma Stone. Direção: Ruben Fleisher.


Nota – 8 Frames

Pontuação
01 a 02 Frames – Ruim
03 a 04 Frames – Regular
05 a 06 Frames – Bom
07 a 08 Frames - Ótimo
09 a 10 Frames - Obra Prima



TRAILER LEGENDADO




OFERTA

https://goo.gl/rxnE8A
COMPRE O BLU-RAY

Post atualizado em 15/06/2018.

FRAMES-PROGRAMAÇÃO

Olha que delícia: mais um final de semana chegando! Você, que é viciado em cinema, igual aos malucos criadores desse blog, já conhece nossas tradicionais dicas dos melhores filmes na TV Aberta:

Kate e Leopold

Sinopse: Stuart (Liev Schreiber) é um cientista que descobre um portal que faz com que ele possa voltar no tempo. Logo em sua primeira viagem através do tempo, acidentalmente, acaba trazendo para o futuro o Duque de Albany, Leopold (Hugh Jackman), o inventor do elevador, do ano de 1876. O Duque tem dificuldade em se adaptar na atual Nova York e, quando se apaixona pela ex-namorada de Stuart.


Passa na: Globo, Supercine, sábado, às 23h05.





Cidade dos Anjos

Sinopse: Depois de perder um paciente na mesa de operação, a dedicada cirurgiã Maggie Rice (Meg Ryan), começa a questionar suas habilidades e sofre uma crise de auto-confiança. Seth (Nicolas Cage), um anjo enviado para confortar o homem que morria, se apaixona instantaneamente pela bela médica. Quando decide aparecer para Maggie, o amor entre eles cresce de maneira que nenhum dos dois poderia imaginar. Seth tem que escolher entre a eternidade e seu amor por Maggie, que nunca acreditou em anjos. Até se apaixonar de um.


Passa no: SBT, Cine Belas Artes, sábado, às 23h15.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

FRAMES-LINK: Flash Pops: jogos divertidos para passar o tempo


Fábio Pereira (xanderfbi@hotmail.com)
O trabalho anda cansativo e você com vontade de dar aquela “morcegada”? No http://www2.uol.com.br/flashpops/index.shtml você encontra diversos jogos interessantes. Em todos, você escuta partes das músicas e tem de digitar o nome correto a que correspondem para aumentar seus pontos. Cinema e TV, Música e Cultura Pop, Conhecimentos Gerais, Futebol e Esportes e muito mais você encontra no Flash Pops.
Em alguns jogos, o Flash Pops ainda dá algumas dicas mas em outros, você vai puramente pela sua memória.
O Flash Pops ficou muito tempo parado com os mesmos jogos, mas as adições recentes ficam por conta de uma homenagem ao eterno rei do Pop, Michael Jackson, além de um quiz sobre a saga Clone Wars.
É só acessar e se divertir.
Frames da Imaginação – Cinema, música, entretenimento e diversão.

sábado, 5 de junho de 2010

FRAMES-MÚSICA: Banda amapaense é citada como grande revelação pop amazônico.


Por Donovan Mc Dulles

Muitas notícias saem sobre o Amapá, mas infelizmente a maioria é triste ou desastrosa. Mas uma banda Psicodélico Folk Rock está mudando essa visão do Estado. Mini Box Lunar se apresentou este sábado no programa Amazônia Tv da Tv Amapá afiliada Rede Globo amapaense e mostrou que são bons. Heluana e “JJ” as vocalistas entoaram um vozeirão de grandes artistas das décadas de 60 e 70.

Todos se conheceram em Macapá, mas a maioria é de outros estados. Heluana Quintas é a única da terrinha, ainda tem Jenifer “JJ” Nunes, Otto Ramos, Alexandre Avelar, Ppeu Ramos e Sady Pimenta.

Mini Box começou de trás, ao invés de gravar um CD demo já pulou etapas e gravou um DVD, já tem até matéria na Revista Rolling Stones e várias outras de renome nacional. O DVD chamado de “Mini Box Lunar apresenta Sessão Vintage” com sete faixas e um CD demo homônimo com 10 (dez) faixas foi lançado para concorrer em festivais nacionais, uma iniciativa do Coletivo Palafita, que faz parte do Circuito Fora-do-Eixo.

Mini Box Lunar já se apresentou em Se Rasgum (PA), considerado o melhor show do evento na opinião dos internautas, e Grito Rock (MT), além das apresentações locais como o festival do Coletivo Palafita. Já passaram por São Paulo, Rio de Janeiro, se apresentou no Casarão, festival com 10 anos de existência em Porto Velho (RO) e outros grandes centros.

A aparência da banda remete muito aos grandes nomes da música dos anos 60tistas e 70tistas. Influências vindas de Os Mutantes, Secos & Molhados, Carmem Miranda, e muitos outros fazem de Mini Box Lunar a melhor faixa do Lado “B” do Amapá, que está acostumado apenas com Brega, Samba e Pagode.

Já começou bem, ainda jovem tem tudo para ser um grande sucesso e levar o nome do Amapá para o mundo, as meninas já estão preparando músicas em inglês e já tem uma na agulha em francês.

Faça o Donwload das músicas da Banda na página no My Space

sexta-feira, 4 de junho de 2010

FRAMES-PROGRAMAÇÃO

Sentiu falta da nossa programação de filmes do final de semana? Bom, recoste em sua poltrona e confira nossas tradicionais dicas dos melhores filmes na TV Aberta:

Como Perder um Homem em 10 dias

Sinopse: A competente colunista Andie (Kate Hudson) tem como novo desafio escrever sobre relacionamentos, mais precisamente de: “Como perder um homem em 10 dias”. Para tal, ela terá que deixar um homem extremamente apaixonado e largá-lo após 10 dias de namoro. O “escolhido” é o cobiçado publicitário Ben (Matthew McConaughey), que também confiando no seu lado Don Juan, aceita uma aposta com o seu chefe: ele terá que deixar uma mulher perdidamente apaixonada por ele, em apenas 10 dias. Coincidência ou destino?



Passa no: SBT, Tela de Sucessos, hoje, às 22h15.



Doce Novembro

Sinopse: Nelson Moss (Keanu Reeves) é um atarefado executivo que só pensa em seu trabalho e parece ter se esquecido o que é ser amado por alguém. Até que conhece Sara Deever (Charlize Theron), que lhe traz novamente um sentimento de romantismo à sua vida. Ela termina convencendo-o a passarem um mês juntos e depois se separarem, pois considera este um tempo suficiente para que possam resolver seus problemas emocionais. Porém, com o passar dos dias Nelson se apaixona cada vez mais por Sara e busca descobrir qual é o motivo pelo medo de compromisso que ela possui.



Passa no: SBT, Cine Belas Artes, sábado, às 23h15.


A Rocha

Sinopse: Durante anos, o general da Marinha Francis X. Hummel (Ed Harris) lutou para que as famílias dos soldados mortos em operações ocultas recebessem os mesmos benefícios dados às famílias dos heróis de guerra. Como seu pedido nunca foi atendido, ele resolveu radicalizar: fez 81 turistas como reféns na prisão da ilha de Alcatraz. Ação com Nicolas Cage e Sean Connery.

Passa na: Globo, Domingo Maior, às 23h50.

quarta-feira, 2 de junho de 2010

FRAMES-CRÍTICA: Fúria de Titãs: original ou refilmagem?


Fábio Pereira (xanderfbi@hotmail.com)

Se você já assistiu ao original e ao remake e não gosta de comparações, pare de ler agora. Quer continuar? Neste post vou fazer uma comparação entre o “Fúria de Titãs” de 1981 e o mais recente, que considerei apenas regular.
Duas épocas distintas separam o original do remake. No original, feito no começo dos anos 80, a história também foca em Perseu (Harry Hamlin), só que com mais emoção, apesar do protagonista ser meia boca. Jogado ao mar, juntamente com sua mãe, pelo vingativo rei Acrisius, Perseu consegue sobreviver. Anos depois, a deusa Tétis (Maggie Smith, de Harry Potter e o Enigma do Príncipe) joga Perseu para enfrentar uma busca frenética a fim de salvar seu amor, a princesa Andrômeda. Bem, a aventura, o stop-motion, hoje primitivo para o cinema atual, e uma história envolvente marcaram essa versão inesquecível de 1981.
Sobre a refilmagem de 2010, os efeitos estão impressionantes - fora a Medusa, que na versão original era horrenda, mas nessa tem um rosto angelical e nada assustador – já a história em si perde ritmo, não somente pelas alterações no roteiro, mas pelo sem graça Sam Worthington. Nunca o considerei um grande ator, mesmo sendo o novo queridinho de Hollywood e ter participado de arrasa-quarteirões como Exterminador do Futuro – A Salvação e o mega-empreendimento de James Cameron, Avatar. O fato em si é que, a pouca expressividade de Harry Hamlin na versão original supera Worthington no remake.

Chatice
O novo “Fúria de Titãs” traça novamente a história de Perseu (Worthington), que após a morte de seus pais pelo deus Hades (Ralph Fiennes, de O Paciente Inglês), descobre ser filho de Zeus (Liam Neeson) e, para salvar a cidade de Argos, sai numa busca pela cabeça da Medusa, a fim de enfrentar o Kraken. A motivação de Perseu nesta refilmagem não é mais o amor pela princesa Andrômeda (Alexa Davalos, de O Nevoeiro), mas sim vingança contra os deuses. A chatice do filme vem do fato que, em quase todo o filme, Perseu alega querer enfrentar os obstáculos como humano e não como semideus. Isto mostra a fragilidade do roteiro em relação ao original.
Até o personagem Calibos, passa de um sacana no original, a um personagem mais violento e sem impacto nesta nova versão.
Pode me chamar de chato o quanto quiser, mas Hollywood não sabe fazer remakes. Eles nunca superam o original e tornam as produções no máximo regulares, com esse novo Fúria de Titãs.
Em tempo: repare na singela “homenagem” feita ao original, quando Perseu abre um baú e encontra uma parte importante da trama anterior e a descarta sem mais nem menos.

Fúria de Titãs (Inglaterra, 1981, Clash of the Titans). Elenco: Harry Hamlin, Maggie Smith e Burgess Meredith. Direção: Desmond Davis.

Fúria de Titãs (EUA/Reino Unido, 2010, Clash of the Titans). Elenco: Sam Worthington, Ralf Fiennes, Liam Neeson. Direção: Luis Leterrier.



TRAILER DO ORIGINAL